Início » Trab. Estudantes » Educação Física » 9º Ano

Trabalhos de Estudantes

Trabalhos de Educ. Física - 9º Ano

 

Andebol

Autores: Filipa Correia

Escola: Escola Secundária do Castêlo da Maia

Data de Publicação: 28/06/2011

Resumo do Trabalho: Trabalho sobre a modalidade de andebol (história, objectivos, campo, regras, gestos tecnicos), realizado no
âmbito da disciplina de Educação Física (9º ano).

Ver Trabalho Completo

Comentar este trabalho / Ler outros comentários

Se tens trabalhos com boas classificações, envia-nos, de preferência em word para notapositiva@sapo.pt pois só assim o nosso site poderá crescer.

 

 

 

Andebol

Introdução

O andebol, como o próprio nome indica, é jogado apenas com as mãos. A movimentação em campo tem características semelhantes às do basquetebol (passe, recepção e remate). A recepção da bola é importante e utiliza-se o drible para prosseguir no terreno. O campo é rectangular e possui duas balizas nas linhas de fundo. A área de seis metros situada em frente à baliza não pode ser pisada por qualquer jogador, com excepção do guarda-redes. O jogo tem a duração de 60 minutos. A bola deve ter entre 54 e 60 cm de perímetro, e pesar entre 325 e 475g.

História do Andebol

O andebol era já um jogo bastante difundido na Alemanha no século XIX. Em 1920, Schellenz, professor da Escola Normal Superior de Educação Física de Berlim, lançou as bases do andebol de 11, praticado num campo de futebol e inspirado nas suas regras, mas jogado com as mãos. Nos países escandinavos e por razões climáticas, este desporto era praticado em recinto coberto e com 7 jogadores.
Após a Segunda Guerra Mundial, a modalidade de 11 jogadores entrou em declínio, enquanto a de 7 se impunha como um desporto europeu, sobretudo nos meios escolares. O andebol masculino passou a fazer parte das modalidades olímpicas em 1972 e o feminino em 1976. É hoje um dos desportos colectivos mais populares a nível mundial, e crê-se que o segundo desporto mais praticado em Portugal, a seguir ao futebol.
Em Portugal, o andebol de onze começou a ser praticado na cidade do Porto, onde foi introduzido nos finais de 1929 pelo desportista alemão Armando Tshopp. A primeira apresentação oficial de um jogo de andebol teve lugar em 31 de Janeiro de 1931, no Porto, e ainda nesse ano foi formada a Associação de Andebol de Lisboa, seguida, em 1932, pela Associação de Andebol do Porto.
O andebol de sete foi introduzido em Portugal em 1949, por outro alemão , Henrique Feist, residente no nosso pais. O primeiro torneio oficial da nova modalidade foi organizado por Feist na vila de Cascais no Verão de 1949.

Objectivo do Jogo

O objectivo do jogo é fazer com que a bola entre na baliza adversária, marcando golos, e evitar que o mesmo aconteça na sua baliza, ou que o adversário tome posse da bola. Esta pode ser batida, empurrada, socada, parada ou passada com qualquer parte do corpo acima dos joelhos. Ao guarda-redes que se encontra colocado dentro da área de baliza, onde nenhum outro jogador pode entrar, é permitido usar qualquer parte do corpo para defender a entrada da bola.

Campo oficial de Andebol

O campo de Andebol tem 40 metros de comprimento e 20 metros de largura. Este campo tem várias linhas que são: as linhas de 9 metros, de 7 metros e de 4 metros, a linha de meio-campo e a linha lateral.

A baliza tem 3 metros de largura por 2 metros altura.

A bola de Andebol

A bola de Andebol varia no perímetro e no peso, consoante os escalões que é jogada.

No escalão de seniores e juniores tem um perímetro de 58 a 60 cm. e um peso de 425 a 475 g.

Na classe das senhoras e no escalão dos juvenis tem um perímetro de 54 a 56 cm. e um peso de 325 a 400 g.

A bola só pode ser jogada com as mãos ou com qualquer parte do corpo acima dos joelhos. Esta não pode ser agarrada durante mais de 3 segundos, com excepção dos jogos de iniciantes desta modalidade. Os jogadores não podem dar mais de 3 passos com a bola na mão. No Andebol, é obrigatório usar o drible com uma das mãos, e se a bola for agarrada durante o drible com as duas mãos, o jogador terá imediatamente de passar a bola a outro jogador ou rematar (se estiver perto da baliza)

É golo, só quando a bola ultrapassa completamente a linha de baliza.

Características do Andebol

Número de jogadores

12: 7 efectivos e 5 suplentes

Dimensões do campo

40 m. de comprimento p/20 m. de largura

Bola

Perímetro: 4 a 60 cm. Peso: 325 a 475 g.

Baliza

3 m. de largura p/2 m de altura

Duração

60 minutos, divididos em 2 partes de 30 minutos

Juizes

2 árbitros, 1 secretário e 1 cronometrista

INÍCIO DO JOGO

O árbitro faz o sorteio da posse da bola ou da escolha do campo.

Ao apito do árbitro, o jogador da equipa que fica com posse da bola dá início ao jogo, com o lançamento de saída e posicionado no centro da linha do meio-campo. Adversários a 3 m deste jogador. Não pode resultar golo directo do lançamento de saída.

Após o intervalo, o lançamento de saída é feito pela equipa que não iniciou o jogo.

LANÇAMENTO LIVRE

Os livres devem ser marcados no local onde as faltas são praticadas.

Adversários a 3 m do jogador lançador.

Os livres devem ser marcados no local onde as faltas são praticadas.

Adversários a 3 m do jogador lançador.

O livre pode ser assinalado pelas seguintes faltas:

 . dar mais de três passos na posse da bola;

 . fazer dois dribles;

 . driblar incorrectamente;

 . manter parado a posse da bola mais de 3 segundos;

 . tocar a bola abaixo dos joelhos intencionalmente;

 . calcar a linha de 6 m no remate (jogador atacante);

 . conduta irregular para com o adversário (empurrar, agarrar ou “rasteirar”);

. retirar a bola, no momento em que se encontra em contacto com o solo, da

área de baliza por um jogador de campo;

LIVRE DE 7 M

O livre de 7 m verifica-se quando um jogador:

. isolado (atacante) e em boa posição para realizar um remate com êxito, é empurrado, agarrado ou sofre uma “rasteira”;

. entra na sua baliza para defender intencionalmente;

. passa a bola ao seu guarda-redes e este a defende, dentro da sua área de baliza;

. sempre que o guarda-redes entrar na sua área de baliza com a bola nas mãos.

. O livre de 7 m:

.  é directo à baliza;

.  nenhum jogador, excepto o marcador pode permanecer entre a linha de 6 m e a de 9 m;

. ao apito do árbitro o jogador tem 3 segundos para o executar;

. o marcador não pode tocar ou ultrapassar a linha de lançamento livre de 7 m, antes de a bola abandonar a sua mão.

LIVRE DE 9 M

Se as faltas forem praticadas entre a linha de 6 m e de 9 m, os lançamentos livres são executados sobre a linha de 9 m e os jogadores contrários devem fazer a barreira na linha de área de baliza (6m).

Faltas

Cartão Amarelo – Indica uma advertência. Quando um jogador incorre numa segunda advertência, não é mostrado cartão mas é sancionado com exclusão durante 2 minutos do recinto de jogo e não poderá ser substituído por um companheiro.

Cartão Vermelho – É mostrado ao atleta que incorre numa terceira exclusão. É expulso de imediato e não pode regressar mais ao terreno de jogo.

Gestos Técnicos: remate

Chapéu

A bola sai lentamente da mão do atleta, descrevendo um parábola por cima do guarda-redes, que este se encontra adiantado. Este movimento requer uma técnica apurada.

Suspensão

O jogador salta e roda ligeiramente o tronco para trás. Quando atinge a altura máxima de impulso, inclina o tronco e remata com o braço estendido e a máxima força.

Em queda

O atacante inclina-se e posiciona o tronco paralelo ao solo. No momento do remate só tem apoiada a perna contrária ao braço que segura a bola.

Apoiado

O jogador esconde a bola atrás do seu corpo e à altura da cintura, rodando de repetente e rematando, surpreendendo, assim, a defesa baixa.

Bibliografia

http://jotah.no.sapo.pt/trabalhos/andebol/regulamento.htm

http://www.acomangualde.net/ef/Recursos_educ/lidia/EQUIPA_ANDEBOL_
REGRAS.pdf

Outros Trabalhos Relacionados

Ainda não existem outros trabalhos relacionados

Início » Trab. Estudantes » Educação Física » 9º Ano